Gestão Financeira
Como vender com pix no seu e-commerce?

Como vender com pix no seu e-commerce?

Vender com Pix no e-commerce tem sido a preocupação de lojas virtuais que querem atrair clientes, pois a praticidade que a forma instantânea de pagamentos chama cada vez mais atenção dos compradores. Para se ter uma ideia da atratividade do Pix, sua aceitação é de 74,6% no e-commerce brasileiro.

Isso mostra que lojas virtuais que correm contra a maré acabarão perdendo espaço para os concorrentes. Pensando nisso, para que seu negócio digital possa ganhar espaço e vender mais, preparamos um artigo que mostra a importância de, como pessoa jurídica, adotar o Pix e como fazê-lo.

O impacto do Pix no e-commerce

O Pix foi lançado oficialmente em novembro de 2020. Em pouco tempo, ele mostrou-se como uma forma de pagamento que negócios digitais não podem ignorar.

Para que você possa entender seu crescimento exponencial, quando completou um ano o Pix já era aceito em mais da metade das lojas virtuais. Atualmente, como comentamos na introdução, a aceitação da modalidade nos negócios online passou dos 70%.

Com esses números, os e-commerces brasileiros que não querem perder clientes para a concorrência começaram a correr atrás para também darem ao seu público a possibilidade de pagarem com Pix.

Motivos para oferecer o Pix no e-commerce

Razões para oferecer o Pix no seu e-commerce e marketplace não faltam. Dê só uma olhada:

Pagamentos mais ágeis

Começando pela agilidade, que é um dos grandes diferenciais do Pix para pessoa jurídica, a instantaneidade do pagamento dá à empresa a vantagem de ter um fluxo de caixa com entradas constantes. Do mesmo modo, negócios virtuais têm mais capital de giro para realizar investimentos a fim de melhorar a empresa, pagar fornecedores ou até colocar suas contas em dia.

Além disso, a rapidez dos pagamentos Pix comparados com outros modelos (um boleto bancário pode levar até 3 dias para compensar), leva ao benefício seguinte:

Entregas mais rápidas

Se o pagamento é confirmado em questão de segundos, vender com Pix na loja virtual significa que os seus clientes poderão receber seus produtos mais rapidamente. Isso porque todos os processos que seguem à confirmação do pagamento pelo cliente – como emissão de nota fiscal – são agilizados.

Se a empresa trabalha com sistemas automatizados, as compras ocorridas aos finais de semana, em feriados ou fora do horário comercial, também podem ser liberadas muito mais rapidamente.

Diminuição nas reservas de estoque

Vender com Pix no e-commerce significa não ter que deixar uma mercadoria reservada porque um cliente gerou um boleto bancário (e você está esperando que ele seja compensado). Quando isso acontece em épocas como Black Friday ou em outras datas mais movimentadas, pode resultar em perda de dinheiro para o seu negócio caso o cliente desista da compra.

Muitas vezes se trata de um último item do seu estoque. Nesse caso, seu e-commerce pode correr o risco de acabar deixando de vender para uma outra pessoa que compraria o produto. Em outras palavras, o Pix dá fim à incerteza e, por consequência, aos prejuízos que podem vir dela.

Redução na taxa de abandono de carrinho

O abandono de carrinho no e-commerce e no marketplace é um dos grandes problemas enfrentados por esses negócios. Existe a estratégia de adotar o checkout transparente para tentar diminuir esse indicador, mas a forma de pagamento adotada pode fazer toda a diferença também.

Uma boa parte da desistência do carrinho de compras acontece na hora de pagar, quando o comprador está inserindo seus dados para pagamento (é o caso do cartão de crédito ou débito). Como ao pagar com Pix a pessoa não perde tempo preenchendo suas informações, tem menos tempo para pensar em desistir.

Se falarmos dos boletos bancários esse cenário fica ainda mais evidente, pois após a emissão dos mesmos, clientes têm até 24 horas para realizarem o pagamento. Como você pode imaginar, isso é tempo mais do que suficiente para a pessoa pesquisar pelo mesmo produto em outras lojas ou até para optar por não realizar mais a compra.

Na comparação com o débito, o Pix também sai na frente na alta conversão do carrinho. Segundo a consultoria Gmattos, as conversões com Pix são de duas a três vezes superior à do débito (de 60% a 90%).

Como oferecer o Pix no seu e-commerce?

A melhor maneira de oferecer o método instantâneo de pagamentos no seu e-commerce é adotando uma solução que centralize pagamentos e recebimentos via Pix. A plataforma da Transfere-a possibilita essas transações de forma instantânea, 24 horas por dia, 7 dias por semana e de modo automatizado.

Toda transação realizada no sistema acontece de maneira segura, pois é executada dentro da Rede do Sistema Financeiro Nacional. Destacamos ainda que a plataforma também utiliza a mesma tecnologia dos sistemas bancários, geralmente usada no internet banking.

Algumas das vantagens da solução de pagamentos da Transfeera são:

  • O gestor poderá manter um controle maior da entrada e saída de capital, pois pagamentos e recebimentos por Pix são aglutinados em um único lugar. Além disso, o controle pode ser realizado diretamente na plataforma ou no ERP.
  • O sistema automatizado Transfeera permite que todas as transações sejam feitas de forma instantânea e sem a necessidade de espera, 24 horas por dia, 7 dias por semana. Assim, você conseguirá manter o fluxo de caixa de seu negócio sempre atualizado.
  • A cada novo recebimento, a própria plataforma emite um alerta, garantindo a emissão de comprovante de recebimento em tempo real.
  • Emissão de QR Codes estáticos ou dinâmicos. Ambos possibilitam que seu dinheiro seja compensado na hora e garantem um fluxo de caixa 7 dias na semana sem parar.
  • Possibilidade de criar múltiplas Contas Digitais, com chaves Pix específicas para cada uma delas. Essa função permite separar contextos dentro da empresa, oferecendo uma conta exclusiva para parceiros, clientes, fornecedores, campanhas, centros de custo etc.

Entenda que, uma vez integrado o Pix no seu e-commerce, a forma de pagamento ficará disponível para seus clientes no checkout (lembrando que com a Transfeera é possível emitir QR Code estático ou dinâmico).

Leia também:

Cuidados e vantagens do pagamento e recebimento em QR Code

Integração com o Pix no ecommerce

A solução de pagamentos da Transfeera pode ser integrada com o seu e-commerce por meio de API. Nossa API Pix é robusta e de fácil integração, voltada para negócios em escala e que miram qualidade e segurança.

Graças à integração via API, seu e-commerce não precisa mais se preocupar com bancos e um relacionamento complexo, nem utilizar o Internet Banking para efetuar e confirmar as transações.

Além do mais, os riscos de erros nos registros de informações copiadas e coladas manualmente podem diminuir, considerando que o sistema reúne toda a rotina financeira em um único lugar.

Quer saber mais? Leia nosso material sobre como ganhar eficiência em operações financeiras com a API Pix.

Material API Pix

Quer receber esses conteúdos e as novidades em primeira mão diretamente em seu e-mail?

Cadastre-se e receba as atualizações do blog e sobre a Transfeera diretamente em seu e-mail.

Ao informar meus dados, concordo com a política de privacidade

Usamos cookies e tecnologias similares para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e conteúdos de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossos termos legais, confira!