Gestão Financeira
Como fazer um bom controle financeiro de marketplace

Como fazer um bom controle financeiro de marketplace

O comércio eletrônico não para de crescer. Durante um ano, o modelo de negócio teve alta de 48,41% na comparação com os 12 meses anteriores. Esses dados são do índice MCC-ENET, desenvolvido pela Neotrust/Movimento Compre & Confie, em parceria com o Comitê de Métricas da Câmara Brasileira da Economia Digital.

Se de um lado a compra no ambiente virtual aumentou, por outro, empresas perceberam a importância de migrarem para o digital, enquanto novos negócios online também foram surgindo. Com tudo isso, muitas organizações começaram a se deparar com problemas, como por exemplo a falta de um bom controle financeiro de marketplace.

O motivo é que, com as vendas aumentando, fica cada vez mais difícil para negócios virtuais controlarem entradas e saídas financeiras, ao mesmo tempo em que mantém processos de finanças sem fricção.

Como reverter esse cenário e garantir que seu marketplace não erre no controle financeiro? É essa a resposta que daremos a seguir. Boa leitura!

Qual a importância do controle financeiro em um marketplace

Primeiro, entenda que as atividades contempladas pelo financeiro de um marketplace são as mesmas daquelas exercidas por outros modelos de negócios.

Para exemplificar, equipes de finanças também precisam desenvolver e monitorar o planejamento orçamentário, fazer a gestão de contas a pagar e receber, realizar a conciliação bancária, administrar o fluxo de caixa, fazer a previsão de custos, realizar o controle de investimentos, gerenciar o capital de giro, entre outras.

Tudo isso para que o negócio tenha bons resultados e para que o time de finanças possa tomar decisões mais inteligentes e acertadas. Portanto, não é nenhum exagero dizermos que sem um bom controle financeiro no marketplace, alcançar o sucesso será muito difícil (para não dizer impossível).

Como fazer o controle financeiro do marketplace

Você pode começar agora mesmo a adotar as práticas seguintes e garantir um bom controle financeiro no seu marketplace. Vamos lá:

1 – Crie um planejamento

Quais são os objetivos que seu marketplace deve alcançar em curto, médio e longo prazo? Ter esse conhecimento é um passo indispensável para:

  • Definir os caminhos que o negócio seguirá;
  • Determinar ações eficazes;
  • Identificar oportunidades de melhorias;
  • Realizar investimentos;
  • Controlar os custos;
  • Etc.

O planejamento também precisa incluir uma previsão de vendas e despesas, estudos do público que se espera atingir e do nicho de mercado. Os dois últimos pontos são importantes até para a atração dos sellers que trarão clientes para o marketplace.

Mas atenção! O plano não é escrito em pedra, isto é, impossível de ser alterado. O ambiente online muda muito rápido e temos visto que as demandas dos consumidores também variam com frequência.

Por esse motivo, tenha uma rotina para monitorar o planejamento, fazer as revisões e reformular o que for necessário.

2 – Defina os indicadores

O plano foi montado e as metas, definidas. Como saber se o negócio realmente está no caminho certo? Como ter certeza de que os processos desenhados, os investimentos realizados e as ações tomadas têm trazido os resultados desejados? A resposta: analisando os KPIs.

Indicadores indispensáveis para realizar um bom controle financeiro do marketplace são:

  • Taxa de abandono do carrinho de compras
  • Chargeback
  • Taxa de conversão
  • Retorno Sobre o Investimento (ROI)
  • Custo por Aquisição de cliente (CAC)
  • Ticket médio das compras
  • Taxa de cancelamento interior ao envio
  • Índice de pedidos com problemas
  • Número de vendas concluídas.

Há também os indicadores de cobrança. Para saber mais sobre eles, sugerimos e leitura:

Conheça 15 indicadores de cobrança para aplicar na gestão financeira

3 – Gerencie o fluxo de caixa

As entradas e saídas do marketplace (assim como de qualquer outro modelo de negócio) são apresentadas no fluxo de caixa. É ele também que dá uma boa visualização das movimentações financeiras de todas as receitas (como vendas) subtraídos todos os gastos (como custos de impostos, despesas operacionais, entre outros).

Gerenciar o fluxo de caixa é imprescindível para gestores conseguirem tomar decisões como planejamento de ações promocionais, investimentos que não comprometerão os custos fixos, avaliação do mix de produtos, entre outras.

4. Atente-se às formas de pagamentos oferecidas

Quais as formas de pagamento que seus concorrentes oferecem? Qual forma você vai adotar para fazer o repasse aos sellers? Essas são duas questões que os marketplaces precisam responder e que ajudam no bom controle financeiro.

Por exemplo, existem meios de pagamentos que podem trazer vantagens como reduzir consideravelmente as taxas de chargeback. É o caso do Pix, cujas transações são mais seguras do que as realizadas por cartão de crédito.

Outra vantagem do Pix é sua compensação que ocorre quase que instantaneamente, ao contrário de boletos bancários que podem levar até 3 dias para compensar. A agilidade e a instantaneidade surpreendem também os consumidores e, claro, os sellers.

Não podemos esquecer que o Pix é um meio de pagamento que reduz consideravelmente a inadimplência. Isso é possível pois, como a empresa identifica o recebimento em tempo real, consegue do mesmo modo aprimorar a comunicação com os clientes em atraso.

Se você quiser ver outras vantagens do Pix, recomendamos este artigo.

Banner Três cases de sucesso com o Pix

Tecnologia para controlar o financeiro do marketplace

Além das dicas acima, para fazer um bom controle financeiro do marketplace você precisará contar com tecnologia. Assim, as rotinas de pagamento e recebimentos são automatizadas e, como consequência, seu negócio virtual melhora consideravelmente o fluxo financeiro.

A tecnologia traz ainda a automatização de processos, o que representa vantagens como ganhos de eficiência e produtividade, redução de custos, rotina financeira facilitada, segurança, além de muitas outras.

Um benefício que não podemos deixar de citar, e que ajuda no controle financeiro do marketplace, é o fato de que a tecnologia contribui para reduzir problemas de pagamentos, como chargeback, atrasos, envio do valor para a conta errada, entre outros.

Adicionalmente, há os processos manuais que são eliminados, dando ao time financeiro mais tempo para lidar com atividades estratégicas (portanto, menos operacionais).

Enfim, por tudo o que citamos aqui é que muitos marketplaces optam por investir em soluções de pagamentos.

A Transfeera

A Solução de pagamentos da Transfeera automatiza e centraliza a rotina de pagamentos e recebimento, e tem ainda a funcionalidade de split de pagamentos, o que facilita o repasse de valores aos sellers.

Com a ferramenta, a equipe financeira tem em mãos relatórios financeiros de forma automatizada. Graças a isso, o gestor analisa e controla a eficácia dos pagamentos e também consegue ter um melhor controle financeiro do marketplace.

Vale destacar que a tecnologia da Transfeera alia todas as vantagens que seu marketplace tem com a automação de pagamentos, com a agilidade do Pix, pois:

  • Nossa solução possibilita aos clientes pagarem por QR Code de cobrança e
  • Automatiza as rotinas de pagamento e recebimentos por Pix.

A integração da solução ao sistema financeiro é feita com uma API. Para facilitar, tanto a API da Transfeera quanto sua documentação são públicas.

Por fim, para que você não se preocupe com a segurança no pagamento, nossa API segue as políticas de privacidade da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), práticas internacionais do CIS (Center for Internet Security) e autenticação com dois tokens. Ela também está em conformidade com todas as regras especificadas pelo Banco Central do Brasil.

Saiba mais agora mesmo sobre nossa plataforma de pagamentos!

Quer receber esses conteúdos e as novidades em primeira mão diretamente em seu e-mail?

Cadastre-se e receba as atualizações do blog e sobre a Transfeera diretamente em seu e-mail.

Ao informar meus dados, concordo com a política de privacidade

Usamos cookies e tecnologias similares para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e conteúdos de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossos termos legais, confira!