Tecnologia
API Open Banking: conheça os benefícios desta tecnologia e aplique na prática

API Open Banking: conheça os benefícios desta tecnologia e aplique na prática

Se o PIX trouxe mais dinamismo e rapidez aos serviços de pagamentos e transferências bancárias, existe uma tecnologia que aprimora diversas operações financeiras, como as operações de pagamentos. Estamos falando da API Open Banking, uma aplicação que permite que bancos, instituições financeiras, instituições de pagamento e fintechs possam agora compartilhar dados dos clientes para oferecer melhores experiências.

O Open Banking é uma iniciativa recente do Banco Central que entende que as informações dos clientes dessas instituições pertencem aos próprios usuários e, não, aos bancos.

Parece óbvio, mas é exatamente isto o que as instituições financeiras faziam: mantinham as informações dos clientes com elas e, caso o cliente decidisse ir para outra instituição, não podia compartilhar as suas próprias informações com o concorrente.

Agora, com o Open Banking, os usuários bancários podem compartilhar os seus dados e históricos com a prestadora de serviços financeiros que escolher, a qualquer momento. E, para realizar esse compartilhamento, são utilizadas APIs (Application Programing Interface).

Mas você sabe como funciona a tecnologia que garante esse compartilhamento de informações? Quais são as vantagens de usar uma API Open Banking? Responder dúvidas sobre essa tecnologia é o objetivo deste artigo. Continue a leitura para saber mais.

Banner Infográfico: Open Finance As diferenças para o open banking

O que é uma API Open Banking?

Da mesma forma que uma API de pagamento, uma API Open Banking reúne instruções e padrões de programação que permitem que duas (ou mais) plataformas se comuniquem.

Quando falamos em Open Banking, o conceito traz a ideia de compartilhar dados, informações e o histórico bancário dos usuários de produtos e serviços financeiros entre instituições, desde que, claro, haja prévia autorização.

A participação de grandes e médios bancos é obrigatória segundo a determinação do Banco Central, enquanto de fintechs e instituições de pagamento é opcional. No entanto, essas instituições estão sendo bastante beneficiadas com o conceito.

Entre os benefícios que se pode citar é que o Open Banking deve impulsionar a competitividade entre os players, além de contribuir para que sejam criados produtos e serviços mais abrangentes e aderentes às necessidades dos usuários, levando à atração de novos clientes e ao aumento de receita.

Banner Conheça as principais APIs e integrações para agilizar os processos financeiros

Por que ter uma API Open Banking?

O dia a dia de processos financeiros pode ser de tarefas bastante desgastantes para uma empresa que realiza muitos pagamentos para diversos favorecidos, envolvendo várias instituições bancárias.

Nesse caso, a automatização de processos, usando uma API Open Banking, é um decisão que garante mais agilidade nas transações, reduz os riscos de falhas e possibilita mais eficiência e segurança para a operação.

É fundamental usar uma plataforma para automatizar essas tarefas para que a gestão não perca o controle dos processos e a empresa possa alcançar um maior crescimento com segurança.

A integração via API Open Banking ao ERP financeiro da empresa, por exemplo, permite que o negócio aproveite as funcionalidades de uma ferramenta de pagamento, sem precisar se desfazer do sistema que já utiliza, migrando toda a operação para um novo software.

Contar com uma API Open Banking é uma oportunidade de estimular a inovação e de levantar novos negócios para a empresa.

De acordo com pesquisa sobre o estado das APIs no Brasil, realizada pela Sensedia em parceria com a PwC, empresas de diversos setores estão passando a usar APIs principalmente para fomentar a inovação (resposta de 57% das empresas de grande porte e 45% das empresas de médio porte).

Além disso, a pesquisa apontou que usar APIs Open Banking pode:

  • Agregar valor dos produtos e/ou serviços oferecidos;
  • Possibilitar um ecossistema, ampliando as parcerias de integração ao negócio;
  • Gerar uma nova fonte de receita direta;
  • Garantir maior integração com parceiros e clientes.

Não podemos esquecer que, para os usuários, as APIs Open Banking os permitem obter todos os benefícios de um banco aberto (falamos aqui sobre as principais vantagens). Isso porque com as APIs os novos serviços fintech se concentram muito mais facilmente em melhorar a experiência do usuário. Sem contar que, por si só, as APIs fornecem aos provedores acesso aos dados de instituições financeiras de maneira segura e eficiente.

Exemplo real de integração de API Open Banking

Um exemplo de integração de API Open Banking é o AiQFome, aplicativo de delivery de comida que faz 4 mil transferências mensalmente para repassar valores aos restaurantes cadastrados.

Fazer todas essas transações manualmente, além de ser uma tarefa exaustiva, não é um trabalho seguro. Afinal, como é uma atividade repetitiva, a chance de erros é enorme.

Para resolver essa dificuldade, a empresa integrou em seu sistema a solução da Transfeera, por meio de API Open Banking.

A partir dessa integração, o AiQFome passou a fazer transferências em lote automaticamente e com validação de dados bancários, conseguindo reduzir as falhas e os estornos para menos de 3%.

Conteúdos Relacionados:

A integração de uma API Open Banking é segura?

Como se trata de uma inovação, é comum que as empresas tenham receio. Mas, sim, a integração de uma API Open Banking é bastante segura.

A Transfeera, por exemplo, oferece controles rígidos para verificação da identidade do usuário, como OAuth2 e OpenID Connect.

Garante também a entrega e o correto funcionamento da integração da API, assegurando o conhecimento do SLA de disponibilidade dos serviços ofertados.

A solução possibilita gerenciamento de erros, sinalizando possíveis problemas na integração com total transparência.

Para saber mais sobre como integrar um API de pagamentos confiável, segura e escalável, confira este conteúdo:

Banner 11 pontos para integrar uma API de pagamentos

Quer receber esses conteúdos e as novidades em primeira mão diretamente em seu e-mail?

Cadastre-se e receba as atualizações do blog e sobre a Transfeera diretamente em seu e-mail.

Ao informar meus dados, concordo com a política de privacidade

Usamos cookies e tecnologias similares para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e conteúdos de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossos termos legais, confira!