Tecnologia
IaaS: o que é Infrastructure as a Service e como funciona?

IaaS: o que é Infrastructure as a Service e como funciona?

O modelo IaaS surgiu para entregar aos usuários diversos recursos em uma infraestrutura completa com rede e servidores. Um ponto importante sobre ele, é o fato de estar disponível na nuvem. Isso chama a atenção de muitas empresas, especialmente após a adesão ao trabalho remoto impulsionado pela pandemia.

Segundo aponta uma pesquisa conduzida pela Foundry, 69% dos negócios aceleraram sua migração para a nuvem nos últimos 12 meses. Além disso, espera-se que a porcentagem de empresas com a maioria ou toda a infraestrutura de TI na nuvem salte de 41% hoje para 63% nos próximos 18 meses.

Bom, mas como o IaaS pode ajudar sua infraestrutura de pagamentos? Essa é a resposta que daremos a seguir. Confira!

O que é IaaS?

IaaS vem de Infrastructure as a Service, que em uma tradução literal significa Infraestrutura como Serviço. O termo faz referência a um serviço de cloud computing (computação em nuvem) no qual as empresas alugam recursos sob demanda na nuvem.

Um dos grandes benefícios do modelo é que, ao contratarem um provedor de IaaS, as organizações não precisam adquirir, configurar e gerenciar um data center on-premise.

Da mesma maneira, as contratantes não são responsáveis pelas manutenções ou atualizações físicas dos componentes. A razão é que essas atividades são realizadas pela fornecedora, a qual fica também responsável pelo suporte.

Outras vantagens da IaaS são:

  • Torna o trabalho mais rápido;
  • É flexível e escalonável;
  • Não exige investimento em hardware físico;
  • Possui custos previsíveis e, portanto, são facilmente planejados;
  • Permite que as empresas se concentrem nas atividades principais de negócios em vez de precisarem gastar tempo e dinheiro em uma infraestrutura de TI e nos recursos de computação.

IaaS no setor financeiro

No setor financeiro, a IaaS possibilita às empresas contarem com uma infraestrutura de pagamentos sem que para isso precisem realizar um investimento alto, ou tenham que contratar uma grande equipe para mantê-la.

Como nesse modelo as informações ficam todas na nuvem, tanto registradas como também armazenadas no formato digital, caixas, arquivos e papéis que precisam ser mantidos e que ocupam um espaço considerável, não são mais necessários.

Pelo fato de estar tudo digitalizado, as informações são mais fáceis de serem encontradas. Dependendo do sistema utilizado, existe a possibilidade de integração de informações financeiras com o ERP da empresa. Assim, em poucos segundos é possível controlar todas as entradas e as saídas de dinheiro do caixa do seu negócio.

A IaaS ainda facilita o acesso às informações financeiras, pois, uma vez que elas ficam armazenadas na nuvem, os usuários autorizados podem acessá-las a partir de qualquer lugar e dispositivo conectado à internet (e que tenham os protocolos de segurança exigidos).

Para que você consiga entender ainda mais os benefícios da IaaS no setor financeiro, veremos agora o que uma infraestrutura de pagamentos na nuvem pode fazer pelo seu negócio.

Vantagens de utilizar uma infraestrutura de pagamentos

A infraestrutura de pagamentos automatiza todo o processo de cash in e cash out. Quando integrada a um marketplace ou fintech, ela possibilita:

  • Realização de pagamentos em lote;
  • Acesso rápido a relatórios de indicadores e comprovantes de pagamento;
  • Análise de riscos;
  • Validação de dados bancários;
  • Automatização da rotina de entradas e saídas;
  • Simplificação da relação entre negócios digitais, o cliente e a instituição de pagamento.

Por automatizar todos os processos de entradas e saídas, a infraestrutura de pagamentos garante operações financeiras mais simplificadas, realiza o rastreio de informações como o histórico de transações anteriores, ajuda na redução da inadimplência, entre outros.

Para saber mais, deixamos aqui a recomendação da leitura de um material completo e gratuito que mostra como você pode criar uma infraestrutura de pagamentos funcional e otimizada. Acesse:

Material - infraestrutura de pagamentos

Entenda como funciona a infraestrutura de pagamentos da Transfeera

A Transfeera é uma fintech que fornece soluções para facilitar as atividades e potencializar a produtividade do seu setor financeiro. Todas as nossas tecnologias estão na nuvem, além de trabalharmos com AWS, CloudFlare e criptografia de ponta a ponta.

Desenvolvemos uma infraestrutura de pagamentos completa que gerencia entradas e saídas, integra prestadores de serviços, previne falhas e fraudes, entre outras vantagens.

Nossa plataforma pode ser integrada via API (Application Programming Interface). Com essa ferramenta, os administradores têm a possibilidade de realizar integrações de aplicativos e outros recursos na nuvem.

Ressaltamos ainda que a infraestrutura de pagamentos da Transfeera permite às empresas crescerem sem perderem a segurança, além de terem vantagens como:

  • Transações centralizadas;
  • Pagamentos em lote;
  • Carteira digital conectada com sua chave Pix
  • Configuração antifraude para recebimento no QR Code e na chave Pix;
  • Conta bancária com autenticação em dois fatores
  • Envio de comprovante de pagamentos;
  • Split de Pix automático;
  • Recebimento por Pix (e com isso o usuário tem todas as vantagens do meio instantâneo de pagamentos);
  • E outras.

Conheça mais sobre nossa plataforma de pagamentos. Acesse o site e tenha mais informações!

Produto - API de Pagamentos

Quer receber esses conteúdos e as novidades em primeira mão diretamente em seu e-mail?

Cadastre-se e receba as atualizações do blog e sobre a Transfeera diretamente em seu e-mail.

Ao informar meus dados, concordo com a política de privacidade

Usamos cookies e tecnologias similares para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e conteúdos de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossos termos legais, confira!