Tecnologia
O que é uma fintech white label e quais são seus benefícios?

O que é uma fintech white label e quais são seus benefícios?

A fintech white label vem ganhando muito destaque. Um dos motivos é que ela permite às empresas oferecerem serviços e produtos financeiros sem que para isso precisem investir no desenvolvimento de uma tecnologia própria.

Para entender, pense no seu negócio virtual. Imagine contar com toda uma estrutura para pagamentos, recebimentos, transferências e para atividades de rotina, como conciliações bancárias. É isso que você pode ter ao contratar uma fintech white label. Entenda mais a seguir.

O que é uma fintech white label?

Uma fintech white label nada mais é do que uma empresa que desenvolve uma plataforma voltada para os serviços financeiros para ser usufruída por outras empresas.

O conceito fica mais fácil de compreender quando analisamos o termo “white label”, que significa “etiqueta branca”, em português. Por “etiqueta branca”, entenda o fato de que a contratante de um produto desenvolvido pela fintech pode inserir a sua marca nos serviços.

Em termos práticos significa dizer que, ao contratar uma fintech de meios de pagamentos para o seu negócio virtual, na hora do checkout o seu cliente continua tendo a sua marca como contato. Ou seja, em nenhum momento ele percebe que está lidando com uma outra empresa para fazer o pagamento, o que significa que ele segue mantendo o relacionamento com quem já confia.

Isso é possível porque as fintechs white labels oferecem um produto pronto para ser usufruído como se a própria contratante o tivesse desenvolvido.

Quais as vantagens de contratar uma fintech white label para seu negócio virtual?

Uma plataforma white label pode trazer muitas vantagens para negócios virtuais, como:

  • Aumento do lucro por meio da geração de uma nova fonte de receita (existem casos de lojas que utilizam soluções de cartões de crédito desenvolvidos por white label, por exemplo);
  • Melhora na satisfação do cliente, pois se trata de uma solução criada por especialistas. Além disso, como as atualizações da plataforma são de responsabilidade da fintech, o negócio virtual consegue concentrar-se em atender o cliente de forma cada vez melhor;
  • Ganho de tempo, uma vez ao contar com um serviço já pronto, testado e aprovado, o negócio virtual não precisa gastar meses realizando testes e melhorias;
  • Otimização do orçamento, pois ao contratar uma fintech white label a empresa já sabe exatamente os custos que terá.

Qual a diferença entre fintech e franquia convencional?

Uma confusão bem comum relacionada à fintech white label é enxergar a modalidade como se ela fosse uma franquia. Apesar de existirem algumas semelhanças entre os modelos, há certas diferenças importantes a serem levadas em consideração.

Na franquia convencional não há flexibilidade quanto ao uso da marca. Já ao contratar uma fintech white label a empresa conta com todo o conhecimento e reputação de quem desenvolveu a tecnologia, ao mesmo tempo que insere suas próprias características na plataforma.

Outra diferença é que, na maioria dos casos, franquias convencionais têm um valor maior de investimentos envolvidos.

Quais soluções podem ser oferecidas por uma fintech white label?

Os serviços que essas fintechs desenvolvem são variados e atendem aos mais diferentes perfis de clientes e necessidades. Alguns dos produtos desenvolvidos por elas são:

Quando usar uma plataforma white label?

Geralmente, um negócio virtual começa a procurar por uma fintech white label quando deseja expandir, mas:

  • Não possui o conhecimento necessário para desenvolver o serviço financeiro de que precisa e/ou
  • Não possui orçamento para contratar e manter uma equipe para criar o serviço e/ou
  • Não tem tempo para perder com a curva de aprendizado e/ou
  • Não tem interesse em fazer isso por conta própria.

Em todos os casos a empresa opta pela terceirização com uma fintech white label e, assim, oferece o serviço incorporado ao seu negócio.

Como escolher uma fintech white label?

Como se trata de investir em uma solução que impactará seu negócio, é preciso verificar a presença da fintech no mercado. Uma boa dica é analisar quem já utiliza seus produtos/serviços.

A Transfeera é uma fintech de meios de pagamentos que conta com mais de 400 clientes B2B, já realizou mais de 7 milhões de pagamentos e validou mais de 21 milhões de contas bancárias.

Os clientes da Transfeera utilizam as APIs desenvolvidas pela empresa para tornarem a gestão de pagamentos e recebimentos mais simplificada. Caso você não saiba, as APIs são consideradas fundamentais para gerar ótimos resultados e garantir uma experiência inovadora tanto para o usuário final quanto para a própria operação.

Descubra neste material as possibilidades que as APIs financeiras podem oferecer ao seu negócio.

APIs para fintechs

Quer receber esses conteúdos e as novidades em primeira mão diretamente em seu e-mail?

Cadastre-se e receba as atualizações do blog e sobre a Transfeera diretamente em seu e-mail.

Ao informar meus dados, concordo com a política de privacidade

Usamos cookies e tecnologias similares para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e conteúdos de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossos termos legais, confira!