Gestão Financeira
Antecipação de recebíveis: como funciona e melhores práticas para adotar

Antecipação de recebíveis: como funciona e melhores práticas para adotar

A situação é a seguinte: sua empresa precisa pagar os fornecedores, mas não tem dinheiro em caixa. Existem algumas opções de crédito disponíveis no mercado que podem ajudar nesse caso. Uma delas é a antecipação de recebíveis.

Essa alternativa é utilizada por muitos negócios como uma saída de curto prazo. Contudo, antes de optar por essa operação é fundamental que você conheça como ela funciona. Explicamos tudo a seguir.

O que é antecipação de recebíveis

A antecipação de recebíveis é uma modalidade de recurso financeiro na qual empresas recebem, antecipadamente, os valores de vendas a prazo ou parceladas. Na prática, ao antecipar recebíveis a loja online consegue utilizar no presente um caixa de entrada futura.

A modalidade é totalmente legal e é realizada por um intermediário, o qual pode ser um banco, fintech ou adquirente. Para trocar o pagamento futuro por liquidez imediata à empresa, esse intermediário cobra uma taxa.

Quem pode recorrer à antecipação de recebíveis?

Negócios online costumam utilizar essa prática por conta dos recebimentos via cartão de crédito ou débito.

Como existe um intervalo de tempo entre a compra ser efetuada pelo cliente e a empresa receber o valor que lhe é devido, muitas precisam realizar essa operação de antecipação para que consigam ter fluxo de caixa.

Leia também:

Pix ou cartão de crédito e débito: qual opção é mais vantajosa para o negócio online

Como funciona a antecipação de recebíveis?

Conforme vimos, operações de adiantamento de recebíveis podem ser realizadas principalmente por bancos, fintechs especializadas em antecipação de recebíveis e adquirentes/ operadoras de cartão de crédito.

Desse modo, para solicitar uma antecipação de recebíveis é preciso contactar a intermediária, especificar os valores de vendas que serão adiantados e fornecer os documentos solicitados.

A liberação do crédito, já com as taxas descontadas, costuma acontecer em um prazo de 24h.

Quando usar a antecipação de recebíveis?

Normalmente, um negócio decide seguir com essa operação porque precisa:

  • Cobrir imprevistos;
  • Evitar empréstimos;
  • Pagar fornecedores e funcionários;
  • Conservar a saúde financeira;
  • Melhorar o fluxo de caixa (principalmente para conseguir ter mais poder de negociação com clientes e fornecedores);
  • Realizar investimentos;
  • Cobrir operações com juros mais baixos.

O fato é que existe uma série de motivos pelos quais uma organização opta por esse recurso financeiro. No entanto, assim como qualquer outro tipo de linha de crédito (como os próprios empréstimos bancários), a antecipação de recebíveis deve ser usada por um único motivo: suprir as necessidades da empresa.

Por exemplo, imagine que esteja chegando a Black Friday e você queira atrair compradores. Para isso, seu negócio online precisa ter uma determinada quantidade de produtos em estoque, certo? Mas o que acontece se você se dá conta de que precisa reforçar o estoque, porém, não tem dinheiro suficiente em caixa?

Nesse caso, pode ser que a antecipação de recebíveis seja uma boa opção. Contudo, apesar de ser uma operação que pode dar um fôlego para o caixa da empresa ou até ajudá-la a crescer, é preciso ter cautela.

Isso porque existe um preço a pagar por essa facilidade.

Qual a taxa para antecipação de recebíveis?

Primeiro, é preciso saber que todo o cálculo da antecipação de recebíveis gira em torno do valor líquido da transação. Isso significa que o MDR – Merchant Discount Rate, em português Taxa de Desconto do Lojista – é deduzido do montante.

Entendido isso, destacamos que, com relação à taxa para o adiantamento do capital, cada instituição financeira pode cobrar um valor por essa operação. Ele varia conforme a bandeira do cartão, o volume das vendas, o tempo e o valor da antecipação.

Geralmente, quanto mais longo for o tempo e maior for o valor solicitado, maiores as taxas podem ser.

Destacamos que é recomendado também verificar se haverá a cobrança de impostos ou de taxas administrativas. Como comentamos, cada intermediadora funciona de uma maneira. Algumas, por exemplo, cobram tarifa de transação, de antecipação e taxa IOF.

Por isso, embora a antecipação de recebíveis possa ajudar uma empresa de diversas maneiras, essa deve ser uma ação pontual e não algo recorrente. Quando se torna uma prática, o negócio pode acabar apresentando problemas de caixa que podem se agravar.

O ideal é que o adiantamento só seja solicitado após um planejamento. A projeção do fluxo de caixa ajuda nesse sentido, pois mostrará se a empresa terá meios de cobrir o valor adiantado com as taxas.

Como economizar com a antecipação de recebíveis?

Existe uma forma de fugir de todas as taxas de antecipação de recebíveis e de, inclusive, não precisar recorrer a essa operação. Para isso, sua empresa precisa receber por Pix.

Banner Guia completo do Pix para empresas: tire suas dúvidas e comece a usar!

A grande vantagem do método de pagamento está no repasse de dinheiro ao destinatário em poucos segundos. Já quando uma empresa opta pelo cartão de crédito, ela pode levar mais de um mês para receber pela venda.

Assim, ao optar por Pix sua loja virtual tem garantia de capital de giro e fluxo de caixa para cumprir com suas obrigações.

O que fazer para receber por Pix?

Para garantir agilidade à operação e um controle ainda mais aprimorado do fluxo de caixa, você precisa automatizar os recebimentos via Pix. A solução da Transfeera se encarrega disso e torna o trabalho da equipe financeira menos operacional.

Por exemplo, a plataforma elimina a necessidade de conciliação bancária, pois envia um alerta a cada nova entrada de valor na conta, bem como um comprovante da transação.

Com total controle do fluxo de caixa, sua empresa consegue melhor gerenciar os recebimentos e, assim, garantir que tenha capital de giro para estar em dia com suas obrigações (e não precisar recorrer à antecipação de recebíveis).

Para saber mais sobre o que o Pix e a solução de pagamentos da Transfeera podem fazer para seu negócio, veja nesse material gratuito e descubra como funciona o recebimento por Pix.

material - info recebimento por Pix na Transfeera

Quer receber esses conteúdos e as novidades em primeira mão diretamente em seu e-mail?

Cadastre-se e receba as atualizações do blog e sobre a Transfeera diretamente em seu e-mail.

Ao informar meus dados, concordo com a política de privacidade

Usamos cookies e tecnologias similares para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e conteúdos de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossos termos legais, confira!